Deputado cobra do MDIC medidas contra a importação de leite do Uruguai

27 de setembro de 2017 | Por: Júlia Medeiros

Subpolag defende suspensão imediata

Como presidente da Subcomissão Permanente de Política Agrícola (Subpolag), o deputado federal Domingos Sávio participou ontem, 26, de uma audiência no Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC) para cobrar medidas contra a importação do leite em pó e derivados do Uruguai.

Durante a reunião, os membros da Subpolag defenderam ao ministro substituto do MDIC, Marcos Jorge de Lima, que o produtor de leite do Brasil está sendo roubado e sacrificado duramente. “É inaceitável que a importação de leite em pó e derivados continue, principalmente, em um momento em que o litro de leite está R$0,70 – quando o valor seria o dobro – com a alegação de que há muito leite. Então fica o questionamento: se há muito leite, por que importar? Isso está sendo feito de maneira desordenada. O produtor e trabalhador rural precisam ser respeitados”, afirmou Domingos Sávio.

O parlamentar expôs na audiência de que a posição da Subpolag é clara e objetiva: ou o governo suspende imediatamente as importações de leite, especialmente do Uruguai, ou todos os deputados ligados à área ruralista serão mobilizados para se posicionarem duramente contra o governo.

O ministro em exercício compreendeu a gravidade do tema e informou que no prazo de uma semana informará as decisões do MDIC. “Se nada for feito contra a importação predatória e abusiva do leite em pó, vamos fazer manifestações e protestos no Brasil inteiro. Num momento onde o governo padece da menor popularidade de toda história da República, isso seguramente poderá agravar ainda mais a situação”, reiterou Domingos Sávio.

A Subpolag acompanhará os próximos passos do MDIC sobre o fim da importação e também para que o governo possa destinar recursos para a compra de leite e a distribuição em programas sociais, além de financiar cooperativas para que as mesmas possam estocar leite em pó.

Na oportunidade, o deputado ressaltou que sempre lutou em defesa dos produtores de leite, das cooperativas, dos pequenos laticínios – que empregam hoje milhões de brasileiros.

 

Assine Nossa Newsletter

Acompanhe o Instagram