Projeto Espaço cultural – Parque Multifuncional Cachoeira Escura de Belo Oriente é apresentado ao deputado

29 de setembro de 2017 | Por: Júlia Medeiros

Reunião no Minc será realizada para garantir continuidade das obras da biblioteca e teatro

A pedido do prefeito de Coronel Fabriciano, Dr. Marcos Vinícius, e do vereador Cristiano do Cais, o deputado federal Domingos Sávio recebeu a coordenadora de Comunicação da Cenibra, Leida Hermefdorff e o diretor executivo da associação Ágape, Hudson Lino. O encontro foi na última segunda-feira, 25, no gabinete de Belo Horizonte, e teve como pauta a continuidade das obras do Espaço cultural Parque Multifuncional Cachoeira Escura, já inscrito e contemplado no Ministério da Cultura (MinC), através do Programa Nacional de Apoio à Cultura (PRONAC).

As instalações do parque ficam no distrito de Perpetuo Socorro, município de Belo Oriente e contempla a comunidade com um espaço de convivência, dedicado à promoção da cidadania. Desde 2013 já está disponível para uso o playground, a pista de caminhada, espaço melhor idade, o deck e o portal. O parque conta ainda com uma casa de apoio onde projetos sociais realizam suas ações, como o Grupo de Artesãs de Cachoeira Escura (Grace), que utilizam de subproduto do processo de fabricação de celulose para compor obras de arte e utensílios domésticos.

De acordo com a representante da Cenibra, o espaço ainda ganhará uma biblioteca pública, teatro de 140 lugares, sala multimídia, espaço para oficinas e exposições. As obras estão paradas devido a necessidade de readequação ao projeto original, e por isso, o recurso no MinC estão travados. “Viemos pedir apoio do deputado para que os recursos – já captados – sejam liberados o mais rápido possível para a continuidade das obras, que são de grande valia para a comunidade”, revelou Leida.

De imediato o deputado se prontificou a ajudar e já agendou uma reunião no MinC para a próxima semana, dia 04, em Brasília. “A readequação do projeto foi devidamente cadastrada e vamos pedir ao ministro Sérgio Sá Leitão para que priorize nosso pedido de liberação dos recursos, que já foram captados. As obras representam muito para a sociedade e contribuirá na formação de crianças e jovens”, revelou.

Saiba mais

O projeto foi proposto pela Cenibra após a realização de um fórum que teve a participação de vários órgãos, como Prefeitura e Câmara Municipal, Sebrae, Associação Comercial, Industrial e Agropecuária (Aciabo) de Belo Oriente, entre outros. De acordo com Leida, várias demandas fundamentais ao desenvolvimento integrado do município foram diagnosticadas. O empreendimento é uma parceria do Instituto Cenibra com a Prefeitura Municipal de Belo Oriente e somente no primeiro semestre de 2017, mais de 3.500 mil pessoas já participaram dos eventos promovidos no local.  Além de Coronel Fabriciano, a Cenibra atua em outros 53 municípios.

Assine Nossa Newsletter

Acompanhe o Instagram