Melhorias e duplicação na BR-381 e BR-262 são previstas em edital.

2 de setembro de 2021 | Por: Assessoria de Imprensa BR-381 duplicação

Concessão de 30 anos prevê R$ 7,3 bilhões em investimentos

O deputado federal Domingos Sávio participou, em Brasília, do lançamento do edital de concessão das rodovias BR-381 e BR-262, entre Belo Horizonte e Vitória, no Espírito Santo. E destacou a segurança para motoristas e o desenvolvimento para os municípios como principais benefícios das obras, previstas para terem início a partir de 2022.

É uma intervenção que tem, em médio e longo prazo, o retorno garantido. Primeiro salvando vidas, depois desenvolvendo a economia”, destacou o parlamentar. “E nós estamos seguros que agora essas questões serão resolvidas, beneficiando, além das capitais, Belo Horizonte e Vitória, municípios mineiros da região do Vale do Aço e do leste mineiro”, destacou o parlamentar.

O edital lançado pelo Ministério da Infraestrutura tem previsão de investimentos de R$ 7,3 bilhões de reais em até 30 anos. As empresas interessadas em deter a concessão das rodovias poderão apresentar as propostas em 25 de novembro de 2021.

O evento de lançamento do edital contou com a participação do presidente do Congresso Nacional, Senador Rodrigo Pacheco; Governador Romeu Zema; Ministro de Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas; Ministra da Secretaria de Governo, Flávia Arruda; Diretor Geral da ANTT, Rafael Vitale Rodrigues; Senador Alexandre Silveira; e o Senador Carlos Viana.

Investimentos no Vale do Aço

Confira as principais obras previstas nos municípios do Vale do Aço pelo edital de concessão.

  • EM 02 ANOS: concluir a duplicação entre Jaguaraçu e Antônio Dias. 26 km. Obras já foram iniciadas pelo DNIT.
  • EM 03 ANOS: duplicar o trecho entre Antônio Dias e Nova Era. 13,04 km.
  • EM 04 ANOS: construir extensão da rodovia entre Ipatinga e o Núcleo Industrial de Timóteo. Segmento de 9,12 km.
  • EM 05 ANOS: concluir o trecho entre Santa do Paraíso e Ipatinga. 13,64 km.
  • EM 05 ANOS: finalizar o trecho no município de Timóteo entre Cachoeira do Vale e o Núcleo Industrial. 5,96 km.
  • EM 05 ANOS: finalizar o segmento entre Cachoeira do Vale, em Timóteo, e Jaguaraçu. 12,15 km.
  • EM 09 ANOS: construir o trecho entre São Sebastião de Braúnas, distrito de Belo Oriente, e Santa do Paraíso. 8,33 km.

Investimentos na Região Metropolitana de BH

O edital também prevê que em até sete anos de contrato estejam executadas melhorias de um dos principais gargalos da BR-381, como a saída de Belo Horizonte com sentido a Vitória. São previstas a duplicação do trecho de 9,26 km entre o Distrito de Roças Novas, em Caeté, até Vale das Flores, em Sabará; e o trecho seguinte até o Anel Rodoviário, com 18,4 km de extensão.

Mais acessos em Coronel Fabriciano

Domingos Sávio também destacou o empenho ao lado do prefeito Dr. Marcus Vinícius, em incluir no projeto a previsão de novas alças de acesso ao município de Coronel Fabriciano. Em novembro de 2020, após reunião com equipe técnica da Agência Nacional de Transporte Terrestre – ANTT, ficou acertada a inclusão de quatro aberturas, previstas na “Ponte Velha”, sobre o rio Piracicaba; na altura do Hospital Metropolitano da Unimed; no Distrito Industrial I e o trevo do Distrito Industrial II, entre Timóteo e Coronel Fabriciano.

Novo viaduto

Em agosto deste ano, o deputado federal Domingos Sávio também participou de importante conquista para Fabriciano ao lado de outras lideranças, como o prefeito Dr. Marcus Vinícius, o deputado federal Hercílio Diniz, os deputados estaduais Tito Torres e Celinho do Sinttrocel e o suplente de senador Alexandre Silveira. Em reunião com o ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, ficou assegurado investimentos de R$ 3 milhões para a reconstrução do Viaduto Pastor Pimenta, na Avenida Tancredo Neves e sobre a Avenida Magalhães Pinto – no trevo da cidade. A obra contará com a contrapartida de R$ 1,3 milhão do município de Fabriciano e serão executadas pelo DNIT.

Assine Nossa Newsletter