Domingos Sávio cobra investimentos para curso superior em Bambuí e Pitangui

19 de agosto de 2021 | Por: Assessoria de Imprensa Domingos Sávio comissão de orçamento Bambuí

Deputado defende conclusão de Hospital Veterinário para abertura de curso técnico no IFMG de Bambuí e comemora anúncio de investimentos no ITAC de Pitangui

A indicação de recursos do orçamento da Educação para os Institutos Federais está entre as prioridades do MEC para 2022. O anúncio foi feito pelo ministro Milton Ribeiro durante audiência pública na Comissão Mista de Orçamento – CMO, da Câmara dos Deputados, nesta semana.

A previsão de investimento nos campi dos Institutos Federais é de R$ 465,6 milhões, a quarta maior fatia destinada a aplicação de recursos na pasta, conforme o Ministério. Apenas a previsão de repasses para manutenção das Universidades Federais (R$ 1,707 bi) e os programas Bolsas e Portal Capes (R$ 803,3 mi) e Educa Mais Norte e Nordeste (R$ 760 mil) é maior.

Para atrair esses investimentos para Minas Gerais, o deputado federal Domingos Sávio (PSDB/MG), membro da Comissão de Orçamento, fez um apelo ao ministro. Destacou a importância de apoio para concluir o Hospital Veterinário do Instituto Federal de Minas Gerais, em Bambuí.

Os Institutos Federais são fundamentais tanto para o ensino tecnológico quanto para viabilizar profissões nas áreas em que não há alternativa de ensino público especializado. Em Bambuí, no Centro-Oeste mineiro, o IFMG é a única possibilidade de um ensino público federal no campo da medicina veterinária. Por isso, é tão importante fortalecer esse orçamento”, destacou Domingos Sávio.

O parlamentar também destacou os investimentos no Instituto Federal do Norte de Minas Gerais – IFNMG, em Salinas, onde indicou emendas que somaram R$ 800 mil e permitiram a expansão e estruturação do Campus, bem como a aquisição de mobiliário. “Já conseguimos essa conquista para Salinas, e temos o exemplo de como esse investimento é importante para a formação profissional de jovens e adultos”, reforçou.

Cursos superior tecnólogo no ITAC de Pitangui

Em Pitangui, também no Centro-Oeste, os incentivos à educação profissionalizante serão realizados pelo Governo de Minas. O governador Romeu Zema assumiu o compromisso de apoiar a criação do primeiro curso superior tecnólogo em Agropecuária de Precisão.

O agro é a atividade que mais cresce no estado e merece todo nosso apoio”, destacou Romeu Zema.

A escola será aberta no Instituto Técnico de Agropecuária e Cooperativismo – ITAC, Antônio Luciano Pereira Filho, em Pitangui, utilizando a estrutura da Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais – Epamig.

A abertura do ITAC para a formação profissionalizante atende a um anseio do deputado federal Domingos Sávio para criação de oportunidades na região Centro-Oeste. Em julho, por meio de ofício, o parlamentar se colocou à disposição das autoridades em Educação para ser um interlocutor junto aos governos estadual e federal em busca dos recursos necessários para investimentos.

O Instituto Técnico é detentor de uma estrutura física e organizacional preparada para ser referência no Ensino Técnico profissionalizante e com capacidade para atender 200 alunos internos”, destacou Domingos Sávio.

Confira o resumo da participação do deputado Domingos Sávio na audiência pública da Comissão de Orçamento com o ministro Milton Ribeiro

Assine Nossa Newsletter