Domingos Sávio defende medidas para combater roubo de cargas e investimentos no setor de transportes

9 de maio de 2018 | Por: Alessandra Galvão

Medidas de impacto tributário, combate ao roubo de cargas e propostas legislativas para os gargalos de infraestrutura. Esses foram alguns dos temas debatidos durante o XVIII Seminário Brasileiro do Transporte Rodoviário de Cargas, realizado nessa quarta-feira (9), na Câmara dos Deputados, em Brasília. O debate foi presidido pelo deputado federal Domingos Sávio (PSDB-MG), que é presidente da Comissão de Viação e Transportes.

Para o deputado, a discussão foi enriquecedora. “O setor de transporte de cargas é importantíssimo para a economia brasileira e a retomada do crescimento. É preciso enfrentar os desafios do setor e buscar soluções para garantir investimentos em infraestrutura e diminuir os impostos”, declarou.

Segundo destacou o parlamentar, o roubo de carga é um grave problema, que afeta tanto as comunidades rurais como os grandes centros urbanos. Ação integrada das forças de segurança pública e penas mais duras para receptores de mercadorias roubadas foram sugeridas para combater o roubo de cargas nas rodovias brasileiras. “Essa é a questão que mais preocupa o setor no momento. É essencial combater o roubo de cargas e garantir que o transporte seja mais seguro”, afirmou.

De acordo com dados apresentados pela NTC Logística, entidade dos empresários do transporte de cargas, em 2017 foram registrados 25.970 roubos de mercadorias em todo o País, representando um prejuízo de R$ 1,574 bilhão. Segundo a Polícia Federal, o eixo Rio-São Paulo concentra 85% dos roubos. “É um problema nacional que aflige a todos. A CVT vai intensificar a interlocução com a Comissão de Segurança Pública e com as autoridades do setor no Brasil. Nós não podemos descansar enquanto não tivermos medidas concretas para prevenir e combater essa questão. Discutir o roubo de cargas é lutar pela vida, porque estão roubando a segurança, a tranquilidade e a paz dos transportadores”, ressaltou Domingos Sávio.

O impacto negativo da reforma do PIS/Confins também foi abordado durante o seminário. Para os debatedores, o risco da mudança de sobrecarregar o setor de tributos é iminente. “O país não suporta mais aumentos de impostos. Não é hora de votar a elevação de tributos”, alertou Domingos Sávio.

O evento reuniu empresários, lideranças, parlamentares, autoridades governamentais, integrantes do meio acadêmico, técnicos especializados e a sociedade em geral. O seminário foi promovido pela Comissão de Viação e Transportes em parceria com a Associação Nacional do Transporte de Cargas & Logística (NTC), a Federação Interestadual das Empresas de Transporte de Cargas (Fenatac) e a Confederação Nacional dos Transportadores Autônomos (CNTA).

 

Assine Nossa Newsletter

Acompanhe o Instagram